Música evoca emoções positivas

A música pode evocar emoções positivas, que por sua vez podem reduzir os níveis de stress, dá conta um estudo da University of Gothenburg.

Assim, de acordo com a autora do estudo, Marie Helsing, ouvir música todos os dias, pode ser uma forma simples e eficaz de melhorar o bem-estar e a saúde.
Este estudo contou com a participação de 42 indivíduos, metade dos quais ouviam, de acordo com as suas preferências, 30 minutos de música por dia, enquanto que a outra metade foi submetida a um ambiente relaxante durante o mesmo período de tempo.

Os resultados do estudo mostraram que as emoções positivas foram sentidas mais frequentemente e mais intensamente nos indivíduos que ouviam música. Os participantes deste grupo também sentiram menos stress e apresentaram níveis baixos da hormona do stress, o cortisol. Quanto mais os participantes gostavam das músicas que ouviam, menos stress sentiam.

Contudo, Marie Helsing salienta que “quando se estuda as respostas emocionais à música, é importante relembrar que nem todas as pessoas respondem da mesma forma ao mesmo trecho de música e que a mesma pessoa pode responder de um modo diferente ao mesmo trecho em ocasiões diferentes, dependendo dos fatores individuais e das circunstâncias”.
A investigadora revela ainda que “para obter estes efeitos benéficos da música, tem que se ouvir música que se gosta”.

FONTE: ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Ainda sobre as emoções evocadas pela música, António Damásio, neurocientista português, escreve em "Ao encontro de Espinosa", p.138: "Pensemos na facilidade com que escutar Bach ou Mozart, Shubert ou Mahler, nos conduz a uma experiência espiritual."
A magnífica composição: Concierto de Aranjuez, de Joaquin Rodrigo, produz em mim esse efeito...

2.º Movimento do "Concierto de Aranjuez" - Adagio, com performance de Paco de Lucía.