O AMOR É #6

...A existência
de tanto
de ti,
de tanto 
de nós...
EM MIM.
E, mesmo "tonta de ti", seremos sempre: eu, tu, nós!